sábado, 25 de agosto de 2012

Desabafo,


Eu detesto polémicas mas este assunto que anda por aí na blogosfera (que ainda por cima é antigo e não sei porque ressurgiu das trevas) toca-me de forma especial porque não percebo o porquê de não se poder dizer nada sobre os gordos mas aos magros pode-se tudo sem problemas! Não é que concorde com a crónica da MRP mas não acho assim tão ofensiva que justifica as barbaridades que tenho ouvido como resposta à mesma. é só a opinião dela e tem o direito de a expressar. Quem quiser lê e quem quiser não lê, se dizem que é assim tão má escritora lêem o que ela escreve porquê? Vejam se percebem que EXISTEM PESSOAS GENÉTICAMENTE MAGRAS!!! que não são anorécticas,  não passam fome e que até gostariam de engordar mas não conseguem então quando lhes chamam sacos de ossos e outras ofensas maiores estão a fazer o mesmo que chamar monte de banha aos gordos ou gordinhos. E depois ser magra não significa ser superficial ou pouco inteligente como tanta vezes é sugerido (isso também é uma ofensa) e falso, tão falso como ser gordo ser sinónimo de ser menos merecedor de seja o que for. 
E aquela parvoíce de " há mas a sociedade fumenta aquele ideal da magreza por isso coitadinhos dos gordinhos!" também não é justificação para ofender magros e chamar-lhes doentes e mal humorados sempre com fome e coisas do género, mesmo as modelos só quando são modelos é que deixam de sentir-se como patinhos feios porque são maltratadas enquanto crescem precisamente por serem magras, a ideia é que gordo ou magro deve ser respeitado e sinceramente porque é que o peso dos outros vos preocupa tanto! O que é que isso interessa! Se estiverem gordinhos ou gordinhas e não se sentirem bem assim então levantem esses rabos e mexam-se diariamente e aprendam a comer! ou dá muito trabalho?  é preferível chamar sacos de ossos aos magros e convencerem-se que eles é que são infelizes porque passam fome e continuar alapado no sofá a comer porcarias e a engordar cada vez mais?
Enquanto crescia ouvi muita barbaridade  por ser mais magra que a maioria na minha idade  e ninguém tem o direito de fazer isso a ninguém (por ser gordo ou magro) a mania de passar a mão na cabecinha dos gordos, aí coitadinho não posso chamar gordo para não ofender e depois a um  magro ou magra pode se dizer tudo por mais mauzinho que seja porque a sociedade promove a magreza!  Acordem!  não se pode ofender ninguém seja gordo ou magro!

By S

4 comentários:

  1. Eu já fui muito magra e chateava-me as pessoas pensarem que passava fome. Hoje em dia tenho mais tendência para o excesso de peso mas também não é por comer muito! Simplesmente o meu metabolismo tanto dá para emagrecer de repente como para engordar. Anda maluco como a dona!
    É daqueles assuntos que o melhor é não tecer comentários.

    Bjokas

    ResponderEliminar
  2. Exactamente, deixem os gordos serem gordos e os magros serem magros sem comentários maldosos!
    Bj S

    ResponderEliminar
  3. A crónica dela foi maldosa... a questão não é se ela se referia a gordas ou magras. Foi maldade gratuita.

    ResponderEliminar
  4. A crónica dela foi tão maldosa e gratuita como a resposta daquele Sr que toda a gente gostou e aplaudiu que chama sacos de ossos ás magras e que os homens não gostam de mulheres sem formas e mal humoradas que supostamente sem inteligencia por serem magras, é o mesmo principio (errado). Duas más acções não fazem uma boa!
    Bj S

    ResponderEliminar